Imaginamos que você já tenha ouvido esses termos tecnológicos e se perguntou: mas qual seria a diferença entre o HDD e SSD? E o que eles fazem no meu computador?

Então vamos lá: é mais simples entender essas siglas do que você imagina. E nossa intenção é poder sempre te ajudar a ficar integrado no mundo da tecnologia.

O HDD e SSD são dois dispositivos de armazenamento que são usados em computadores, notebooks, servidores e storage. Simplificando, o papel deles é manter armazenados os seus arquivos nos computadores.

O HDD é mais antigo que o SSD e essas duas tecnologias possuem formas diferente de armazenar os dados.

Ok! Mas então qual a real diferença entre os dois?

O HDD é o tão conhecido disco rígido ou “Winchester”. HDD é a sigla em inglês (Hard Disk Drive), que em português significa “disco rígido de armazenamento”.

É um componente bem tradicional dos computadores e sua principal característica é que ele conta uma estrutura de metal selada e internamente conta com discos e um braço mecânico que executa a leitura e escrita por meios magnéticos.

Para você ter uma ideia a IBM introduziu o primeiro HD em 1956.

A principal diferença entre o SSD e HDD é a velocidade.

O SSD é um componente que não conta com partes móveis internas e por isso o acesso aos dados armazenados é muito, muito mais veloz que o HDD. Os dados armazenados são feitos através de circuitos por impulsos elétricos em células de memória Flash, a mesma tecnologia dos celulares e tablets.

SSD significa “Solid-State Drive”, traduzindo temos “disco de estado sólido”.

Vantagens e Desvantagens entre o HDD e SSD

O preço entre um HDD e um SSD é um dos fatores que impactam na implementação dessas tecnologias.

O HDD tem um preço mais acessível e possui hoje mais opções de armazenamento e uma vida útil maior. Porém, o HDD é mais suscetível a apresentar defeitos por manuseio inapropriado, por exemplo, se sofrer uma batida no momento da leitura dos dados e é bem mais lento que um SSD.

O SSD tem um tamanho menor, muito mais rápido e é mais resistente a impactos. Em contrapartida, é mais caro, ainda sua capacidade de armazenamento não é tão alta como os HDDs e não se sabe ao certo seu poder de armazenamento a longo prazo.

Certamente, equipes que buscam desempenho e agilidade devem avaliar SSDs para os computadores pois a leitura dos programas e sistemas operacionais se tornam bem mais rápidas e podem considerar HDDs para backups.

Mas os projetos devem ser arquitetados conforme cada necessidade.

Esperamos que tenha gostado dessa matéria. Não esqueça de compartilhar nas suas redes sociais.

Conte com a W9 para projetos de infraestrutura de TI.

Referência: TechTudo

Somos especialistas em Infraestrutura de TI e Desenvolvimento WEB

Receba nossas novidades

Dicas e novidades em TI para produtividade e mais vendas

Matérias relacionadas

Diferença entre Armazenamento e Backup na Nuvem

Vamos entender um pouco da diferença entre armazenamento na nuvem e backup na nuvem. Atualmente é muito provável que você já utilize algum serviço de armazenamento em nuvem, podemos ter como exemplo o OneDrive da Microsoft, o Google Drive e o Dropbox. Esses são alguns...

Investir em um site? Por quê?

Para responder essa pergunta, primeiro vamos traduzir a palavra “site” que, em português quer dizer “lugar”. Então, já podemos entender que um site é o seu lugar na Internet. É a porta de entrada da sua empresa na rede de computadores. A partir do momento que sua...

Trabalho Remoto, Coronavírus e Segurança de TI

Por conta da pandemia do Coronavírus muitas empresas combinaram com seus colaboradores o trabalho remoto para ajudar a não agravar a situação relacionada ao vírus. Empresas ao redor do mundo se adaptaram ao Home Office e mesmo no Brasil, onde a prática do Home Office...